Seja bem-vindo(a) ao blog Etiopatogênese!

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Trombose

        É a formação de um trombo ( massa sólida de sangue ) resultante do processo de coagulação normal causando aumento da parede do vaso e lesão endotelial que pode alterar a fluidez do sangue e causar isquêmia de tecidos.
            Pode ocorrer em veias da superfície corporal, logo abaixo da pele (flebite) ou  em veias profundas, no interior dos músculos ( trombose venosa profunda).
É a formação de um trombo ( massa sólida de sangue ) resultante do processo de coagulação normal causando aumento da parede do vaso e lesão endotelial que pode alterar a fluidez do sangue e causar isquêmia de tecidos.             Pode ocorrer em veias da superfície corporal, logo abaixo da pele (flebite) ou  em veias profundas, no interior dos músculos ( trombose venosa profunda).


 Sintomas:

  • dor;
  • edema (inchaço) e rubor (vermelhidão) na área afetada (perna ou coxa);
  • calor e o empastamento no membro acometido (rigidez da musculatura da panturrilha).
Como prevenir?

• Nas situações em que necessite permanecer sentado por muito tempo, procure movimentar os pés como se estivesse pedalando uma máquina de costura. Faça caminhada regularmente.

• Quando estiver em pé parado, mova-se discretamente como se estivesse andando sem sair do lugar.
• Antes das viagens de longa distância, fale com seu médico sobre a possibilidade de usar alguma medicação preventiva.
• Quando permanecer acamado, faça movimentos com os pés e as pernas. Se necessário, solicite ajuda de alguém.
• Evite qualquer uma daquelas condições que favorecem a formação do coágulo dentro da veia, descritas anteriormente.
• Evite fumar e o sedentarismo.
• Controle seu peso.
• Se você necessita fazer uso de hormônios ou já foi acometido de trombose ou tem história familiar de tendência à trombose (trombofilia), consulte regularmente seu médico.
• Use meia elástica se seu tornozelo incha com freqüência.
• Nunca se automedique.
        
      O enfermeiro atua na promoção da saúde a medida que informa os pacientes sobre o  processo patológico e suas possíveis complicações e quanto ao uso de medicamentos que podem alterar o funcionamento hemodinâmico como os contraceptivos.

 Fonte: http://www.trombose.med.br/
Postado por: Emanuelly

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário